Câmara aumenta pena para motorista alcoolizado que provocar acidente com morte

novembro 30, -0001
13 Views Fonte: Heloisa Cristaldo - Repórter da Agência Brasil
Foto:

A Câmara dos Deputados aprovou hoje (6) o aumento da pena para motoristas sob efeito de álcool ou drogas que provocar acidente com morte. Pelo texto, a punição para o crime será de reclusão de cinco a oito anos. O Projeto de Lei 5568/13, de autoria da deputada Keiko Ota (PSB-SP), já passou pelo Senado e agora segue para sanção presidencial.

O texto original da Câmara, aprovado em setembro de 2015, estabelecia pena de detenção de dois a quatro anos. Com o prazo alterado pelo Senado, a matéria precisou retornar para votação pelos deputados. A atual penalidade administrativa de suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor continua valendo.

No plenário, os deputados rejeitaram duas alterações ao texto feitas pelo Senado, uma delas a que acabava com o limite máximo de álcool a partir do qual o condutor flagrado pode ser condenado a pena de detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão da carteira ou proibição de obtê-la. Atualmente, é prevista pena para o condutor flagrado dirigindo com concentração igual ou superior a 6 decigramas de álcool por litro de sangue ou igual ou superior a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar nos pulmões.

As novas regras entrarão em vigor após 120 dias da publicação da lei.

LEIA:  Disque-Denúncia recebeu mais de 280 contatos sobre a Rocinha em dez dias

TALVEZ VOCÊ POSSA SE INTERESSAR POR

Brasil
0 shares6 views

Prefeitura do Rio levará à Justiça dois cálculos para tarifa de ônibus de 2018

Redação - dez 11, 2017

A prefeitura do Rio de Janeiro comprometeu-se em audiência judicial a apresentar, até o próximo dia 21, dois cálculos distintos…

Brasil
0 shares6 views

Reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, diz Meirelles

Redação - dez 11, 2017

A reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, de acordo com o ministro da Fazenda Henrique Meirelles.…

Brasil
0 shares6 views

Justiça solta Roberta Funaro, irmã do doleiro Lúcio Funaro

Redação - dez 11, 2017

O juiz Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal em Brasília, acatou o pedido da defesa e nesta segunda-feira (11) concedeu liberdade…

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz